Honor anunciou o novo telefone carro-chefe V40 5G, o primeiro desde que a Huawei vendeu a empresa para um consórcio de parceiros chineses com sede em Shenzhen. O telefone é exclusivo para a China por enquanto, mas a série V de Honor geralmente chega ao resto do mundo com a marca “Ver”.

O V40 possui uma tela OLED de 6,72 polegadas com uma taxa de atualização de 120 Hz e é alimentado por um processador MediaTek Dimensity 1000+. A câmera principal possui um sensor de 50 megapixels de 1/1,56 polegadas. A bateria de 4.000 mAh pode ser carregada sem fio a 50 W ou a 66 W com um cabo.

A Huawei anunciou que estava vendendo o Honor em novembro devido a uma “tremenda pressão” e uma dificuldade em garantir uma cadeia de suprimentos adequada. Embora a Honor funcionasse independentemente da Huawei, ela dependia da controladora para grande parte de sua tecnologia, como os processadores Kirin da HiSense. Isso significa que ela foi atingida com a mesma intensidade pelas sanções americanas que proibiam as empresas americanas de fazer negócios com a Huawei.

Os telefones V40 certamente estarão em desenvolvimento desde o início de novembro, mas agora que a Huawei se desfez da Honra, a versão internacional “View 40” do V40 pode ser enviada com os serviços do Google a bordo. Isso permitiria que a Honor vendesse telefones nos mercados ocidentais e além, sem a grande desvantagem de ter que contar com o AppGallery da Huawei, que ainda não pode competir com a Play Store do Google fora da China, onde o Google não tem presença.

Ao mesmo tempo, Honor não tem mais a vantagem de depender da cadeia de suprimentos da Huawei, então terá que trabalhar para se estabelecer como uma marca forte em seu próprio direito, uma vez que os telefones sejam lançados em outro lugar. Por enquanto, ele está disponível na China com preços a partir de 3.599 yuans (~ $ 550) para um modelo com 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. 3.999 yuan (~ $ 620) dobra o armazenamento para 256 GB.

Fonte: www.theverge.com

Deixe uma resposta