Dois asteróides sobrevoaram a Terra na segunda-feira (14 de setembro), em ambos os casos mostrando uma ocorrência comum que não colocou nosso planeta em risco.

A primeira rocha espacial, um asteróide do tamanho de um ônibus denominado 2020 RF3, passou zunindo pelo nosso planeta a 58.500 milhas (94.000 quilômetros) de distância às 2:49 am EDT (0649 GMT), de acordo com o Centro do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA para Estudos de Objetos Perto da Terra. Essa é a distância equivalente a um quarto do caminho até a lua da Terra, uma distância de 239.000 milhas (385.000 km).

Fonte: www.space.com

Deixe uma resposta